Seis das dez cidades mais populosas da região fecham 1º semestre com baixas de beneficiários dos planos de saúde, diz ANS

23 Agosto 2018
Autor :  

Americana, Limeira, Mogi Guaçu, Santa Bárbara d'Oeste, Sumaré e Valinhos tiveram reduções de clientes, de acordo com o levantamento; confira variação em cada município.

S
Seis das dez cidades mais populosas da região de Campinas (SP) encerraram o primeiro semestre deste ano com reduções na quantidade de beneficiários dos planos de saúde médico-hospitalares, segundo a Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS). A pesquisa mostra que pelo menos 2,5 mil moradores de Americana (SP), Limeira (SP), Mogi Guaçu (SP), Santa Bárbara d'Oeste (SP), Sumaré (SP) e Valinhos (SP) deixaram de ter assistência privada entre dezembro de 2017 e junho deste ano.

A maior redução no período avaliado ocorreu em Americana (SP). Por outro lado, houve alta na quantidade de contratos em Campinas (SP), Hortolândia (SP), Indaiatuba (SP) e Piracicaba (SP).

As estatísticas são trimestrais e o cliente considerado no levantamento é o titular do plano de saúde - portanto, ele pode ter mais pessoas vinculadas, destaca a agência.

Considerando-se o estado São Paulo, segundo a ANS, os planos perderam pelo menos 48,5 mil clientes nos últimos 12 meses. O total de assistidos passou de 17.254.213 para 17.205.676.

Situação econômica
Seis dos dez municípios avaliados fecharam o período com perda de vagas de trabalho formais, de acordo com o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE): Americana, Limeira e Santa Bárbara d'Oeste, que contabilizaram reduções de beneficiários; e Campinas, Hortolândia e Piracicaba, que alcançaram saldo positivo no serviço.

 

Por outro lado, tiveram resultados positivos na geração de vagas: Indaiatuba, onde os planos também perderam clientes; além de Mogi Guaçu, Sumaré e Valinhos, onde o resultado também foi insuficiente para impedir queda na quantidade de contratos para atendimentos, segundo a ANS.

Saldo de empregos (dez/2017 - jun/2018)

Americana: - 759
Campinas: - 390
Hortolândia: - 288
Indaiatuba: + 422
Limeira: - 207
Mogi Guaçu: + 233
Piracicaba: - 405
Santa Bárbara d'Oeste: - 418
Sumaré: + 110
Valinhos: + 797
Análise
O economista Roberto Brito de Carvalho avalia que, de maneira geral, o aumento de clientes ocorre em ritmo mais acelerado em cidades marcadas pela industrialização, onde os contratos tendem a incluir mais benefícios, como planos de saúde. "As cidades em que a economia é pauta no comércio há um pouco de demora para que isso aconteça", diz o professor da PUC-Campinas ao lembrar que a alta na produtividade, com foco no fim de ano, pode gerar mais vagas com assistência.

No caso específico de municípios que tiveram saldo positivo de empregos, mas com perda de beneficiários em planos, o economista destaca que parte deles estão associados aos novos empreendedores individuais e vagas com menos atrativos. "Ela pode não estar associada às grandes empresas, o que neste primeiro momento não provoca impacto na saúde suplementar."

Ao mencionar que a perspectiva de crescimento da economia nacional está na faixa de 1,7%, Carvalho acredita que a tendência de avança passa necessariamente pelo resultado das eleições presidenciais. "É necessário aguardar o pleito para ver se haverá uma retomada efetiva ou se a gente vai ter uma ação ainda conservadora para ver o que o próximo presidente deve fazer."

Recuperação da indústria
Após registrar cortes de 1,7 mil vagas de emprego em dois meses, a indústria na região de Campinas encerrou julho com a recuperação de 1,1 mil oportunidades, segundo o Centro das Indústrias do estado de São Paulo (Ciesp). O saldo acumulado desde janeiro é de 2,5 mil postos.

Fonte: (G1)

112 Views
Gisele Ramos

Gisele Ramos é designer gráfico formada em Publicidade e Propaganda, diretora da Gitramos Publicidade, redatora do Diário Notícias e está atualmente em processo para uma cirurgia bariátrica. Não se incomoda nenhum pouco em ser gordinha,mas a saúde vem sempre em primeiro lugar.  Instagram: giseletramos

E-mail O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

O Diário Notícias é um jornal dinâmico e interativo.Nossos ideais são pautados na seriedade e comprometimento. Nossa missão é informar e levar conhecimento a toda a população interessada, independente de opção política, religiosa ou social . Diário Notícias : Compromisso com a notícia!