Caso Neymar: 'Querem passar que Najila é louca, mas não vão conseguir', diz quarto advogado da modelo

13 Junho 2019
Autor :  

Cosme Araújo, de Ilhéus, ainda não se encontrou com a jovem, mas diz já estar atuando na defesa

S
SÃO PAULO - O advogado baiano Cosme Araújo afirmou nesta quinta-feira que assumiu a defesa da modelo Najila Trindade, de 26 anos. Ele é o quarto defensor da jovem desde que a acusação de estupro contra Neymar veio à tona, em 1º de junho. Em entrevista ao GLOBO na manhã desta quinta-feira, Cosme disse que sua cliente não tem motivos para mentir e que não vai aceitar provocações de assessores do atacante da Seleção, que prestará depoimento na tarde desta quinta-feira em São Paulo .

 

COPA AMÉRICA: Mansur e Rafifa ensinam a usar 7 craques no campo e no vídeogame

— Ela (Najila) perdeu a confiança nos outros advogados. Houve muito vazamento. Parece que eles querem passar para o mundo que ela é uma bandida ou é louca. Mas não vão conseguir. Querer é uma coisa, conseguir é outra — disse Cosme. — Pensa bem: se estivesse mentindo, ela não teria por que insistir tanto na acusação.

ACUSAÇÃO CONTRA NEYMAR: O que sabemos até agora

Embora a polícia de São Paulo ainda não tenha recebido a procuração de Cosme e ele não tenha se encontrado com a modelo presencialmente, o advogado afirma que está conversando com Najila "três, quatro vezes por dia" e está se inteirando do caso. Ele disse que não conseguirá viajar a São Paulo nesta quinta-feira para acompanhar o depoimento do atacante à polícia.

AS POLÊMICAS DE NEYMAR
1 de 11

'Estamos criando um monstro'
Dorival Júnior conversa com Neymar (de costas) e Robinho em treino do Santos em 2010 Foto: Eliária AndradeFoto: Eliária Andrade
Durante partida do Brasileirão de 2010 contra o Atlético-GO, na Vila Belmiro, Neymar discutiu com o técnico Dorival Júnior — que viria a ser demitido — após ser impedido por ele de cobrar um pênalti. Em entrevista após o jogo, o comandante do time rival à época, Renê Simões, disparou: 'Estamos criando um monstro no futebol brasileiro'.

'Juiz ladrão' para Ricci

Neymar indenizou Sandro Meira Ricci em R$ 15 mil
Foto: Gaston Brito / ReutersFoto: Gaston Brito / Reuters
Após uma derrota do Santos para o Vitória, no Campeonato Brasileiro de 2010, Neymar usou a internet para ofender o árbitro Sandro Meira Ricci. "Juiz ladrão, vai sair de camburão", escreveu o jogador em uma postagem. Ricci processou Neymar e recebeu R$ 15 mil de indenização.

Cabeçada em Murillo
Neymar se estranha com o colombiano Murillo: suspensão de quatro jogos que o tirou da Copa América e também do início da seleção brasileira nas eliminatórias Foto: Ricardo Mazalan / APFoto: Ricardo Mazalan / AP
Na Copa América de 2015, Neymar foi expulso após dar uma cabeçada no colombiano Murillo durante uma discussão no gramado e pegou quatro jogos de suspensão. O brasileiro reclamou de perseguição da arbitragem.

Xingamentos no ouro olímpico
Neymar discute com torcedor após ouro olímpico no Maracanã, em 2016 Foto: ReproduçãoFoto: Reprodução
Vídeos divulgados após o ouro olímpico no Maracanã mostram Neymar xingando torcedores que estavam no estádio. O jogador precisou ser contido por seguranças após "ir para cima" dos fãs na arquibancada.

Problemas com a Receita
Neymar em foto de fevereiro de 2016, a caminho da Corte em Madri, onde prestou depoimento sobre o caso de sua transferência do Santos ao Barcelona Foto: CURTO DE LA TORRE / AFPFoto: CURTO DE LA TORRE / AFP
Neymar e seu pai foram acusados por fraude fiscal na Espanha e tiveram parte dos bens bloqueados entre 2011 e 2013. Em 2017, eles chegaram a um acordo para pagar ao fisco do país cerca de R$ 8 milhões. Já no Brasil, a Receita Federal cobra multa de R$ 69 milhões, e Neymar pai até se reuniu com o presidente Jair Bolsonaro, em abril, para tratar do tema.

PUBLICIDADE
Briga com companheiro no treino
Neymar, de colete verde à direita, é segurado por Mascherano enquanto tenta chegar a Semedo, à esquerda de camiseta preta: briga no treino do Barcelona Foto: Reprodução/AsFoto: Reprodução/As
Em sua última temporada em Barcelona, Neymar quase foi às vias de fato com o português Nelson Semedo, após este fazê-lo uma falta dura durante um treino. "Obviamente mexeu comigo. Tinha acabado de chegar, e um dos jogadores mais influentes da equipe entrou em conflito comigo depois de um lance de treino normal", desabafou Semedo tempos depois.

Disputa com Cavani por pênaltis
Neymar e Cavani conversam antes do uruguaio cobrar o pênalti pelo PSG Foto: CHRISTOPHE SIMON / AFPFoto: CHRISTOPHE SIMON / AFP
O histórico polêmico acompanhou Neymar no PSG. Logo na chegada, ele se desentendeu com Cavani sobre quem seria o cobrador de pênaltis do time. De acordo com veículos da imprensa local, o episódio provocou um racha no vestiário, do qual o uruguaio era um dos líderes. Irritada, a torcida chegou a vaiar o brasileiro.

Piada internacional na Copa
Suspensão na Champions
Ao lado do pai, Neymar viu queda do PSG no camarote Foto: CHRISTIAN HARTMANN / REUTERSFoto: CHRISTIAN HARTMANN / REUTERS
Fora do confronto decisivo contra o Manchester United pela Liga dos Campeões, em abril deste ano, Neymar usou as redes sociais para atacar a arbitragem após a eliminação de seu time. Como consequência, recebeu um gancho de três partidas, a serem cumpridas na temporada 2019/2020.

Soco em torcedor
Neymar se estranhou com torcedor após derrota do PSG Foto: ReproduçãoFoto: Reprodução
Em abril, Neymar deu um soco em um torcedor que provocou o brasileiro e outros jogadores do PSG após a derrota para o Rennes na final da Copa França. "Ninguém tem sangue de barata", escreveu o camisa 10 ao admitir o erro uma rede social. Por esse ato, ele foi suspenso por três jogos.

PUBLICIDADE
Confusão com Draxler
Neymar e Draxler brigaram após jogo do PSG, diz jornalista francês Foto: FRANCK FIFE / AFPFoto: FRANCK FIFE / AFP
Os ecos da derrota para o Rennes na Copa da França foram ouvidos no vestiário. De acordo com o "Le Parisien", Neymar discutiu com Draxler e precisou ser contido pelo técnico Thomas Tüchel. O motivo: o alemão teria chamado o brasileiro de individualista, e o brasileiro, replicado: "Quem é você para falar comigo assim? O único que sabe fazer é dar passe para trás"

Questionado sobre o fato de que a modelo não entregou para a polícia até hoje o vídeo de sete minutos que poderia comprovar as agressões de Neymar , Cosme respondeu que não comentaria o assunto porque isso faz parte do "sigilo profissional" entre advogado e cliente.

O primeiro representante da modelo foi José Edgard Bueno, acionado por ela logo após o retorno de Paris, onde se encontrou com Neymar. Bueno orientou sua cliente a buscar um acordo de reparação com o jogador, mas a estratégia não deu certo. Embora sustente que queria apenas que o atleta pagasse o tratamento psicológico e danos morais sofridos por Najila, Bueno foi acusado por Neymar pai de tentativa de extorsão. Ele reagiu dizendo que o pai do jogador fez uma armadilha .

VEJA AINDA: O que esperar da Cerimônia de Abertura da Copa América

Bueno saiu do caso em 1º de junho, depois que a modelo registrou a acusação de estupro na 6ª Delegacia de Defesa da Mulher de São Paulo, contrariando sua orientação.

LEIA TAMBÉM: Mochilão com Jesus: Flamengo prevê reforços 'para jogar'

A defesa passou a ser feita, então, por Yasmin Abdalla. Menos de uma semana depois, no dia 6 de junho, Yasmin deixou o caso e o repassou para um amigo, Danilo Garcia de Andrade, que acompanhou Najila durante o depoimento à polícia na sexta-feira da semana passada.

Andrade abandonou a defesa na segunda-feira . Segundo ele, a modelo quebrou sua confiança ao não entregar para os investigadores o vídeo que teria feito de Neymar, como prometera no depoimento, e ao sugerir que o próprio advogado estaria por trás do sumiço do seu tablet. Andrade disse que não tem como defender "alguém que não entrega provas".

DEPOIMENTO DE NEYMAR NA CIDADE DA POLÍCIA, NO RIO
1 de 8

Em entrevista ao SBT na segunda-feira, Najila voltou a dizer que não sabia onde estava o tablet e sugeriu que a polícia estava "comprada" para não ajudá-la. A declaração motivou o registro de um boletim de ocorrência contra a modelo pela própria polícia, que acusa a jovem de difamação .

Morador de Ilhéus (BA), Cosme disse que chegou a Najila por intermédio do pai da modelo, que é seu amigo, "um ex-policial militar, evangélico, uma pessoa muito querida", que vive em Ibirataia, também no interior da Bahia. Nas últimas eleições, Cosme concorreu a uma vaga de deputado federal pelo PDT. Recebeu 17.044 votos, mas não foi eleito. Dois anos antes, ele havia ficado em quarto colocado na eleição para prefeito de sua cidade, com 9.127 votos.

Sobre a estratégia que deve atuar para defender a modelo, o advogado prometeu ser ético, sem levar desaforo para casa:

— Vamos respeitar o lado do acusado, vamos trabalhar com lisura. Mas não vamos aceitar provocação do outro lado. Toda ação tem uma reação.

Fonte:(O Globo)

46 Views
Eduardo Spider

Eduardo Spider é viciado em Netflix e jogos multi-usuários. Ainda ganha mesada do pai e detesta fazer exercícios. Nada como um grande balde de pipoca e cinema. Pretende se formar em Direito...ou esquerdo. Qualquer um serve.

E-mail O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

O Diário Notícias é um jornal dinâmico e interativo.Nossos ideais são pautados na seriedade e comprometimento. Nossa missão é informar e levar conhecimento a toda a população interessada, independente de opção política, religiosa ou social . Diário Notícias : Compromisso com a notícia!